La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
14
Abr 10
publicado por António de Almeida, às 16:50link do post | comentar | ver comentários (7)

-Faz sentido! O PS irá apoiar a candidatura de Manuel Alegre após a formalização da candidatura por parte do histórico militante socialista. Assim de repente assaltam-me algumas dúvidas, irá Manuel Alegre juntamente com Francisco Louçã protestar contra a aplicação do PEC pelo governo, cuja necessidade Cavaco Silva defende? Aguardo com curiosidade as reacções por parte dos bloggers simpatizantes e até militantes do PS, que escreveram sobre Alegre o que Maomé não disse do toucinho. Imagino que alguns já andem a apagar posts...


20
Mar 10
publicado por António de Almeida, às 12:41link do post | comentar | ver comentários (5)

   -Manuel Alegre pretende o apoio do PS na candidatura à Presidência da República para se colocar ao lado da oposição, contra o PEC do governo de José Sócrates, que merece a concordância do actual P.R., Cavaco Silva...


11
Jul 09
publicado por António de Almeida, às 12:44link do post | comentar

   -Manuel Alegre gostaria que o PS seguisse outro tipo de políticas, mudasse de estilo, mas nada concretiza, apela a "um sobressalto à esquerda", em tempos falou de convergência, é cada vez mais evidente que o histórico militante socialista se posiciona para a candidatura presidencial, para a qual conta com o apoio entusiástico do BE, e dos militantes socialistas, deixando o partido, com ou sem José Sócrates, ganhe ou perca as legislativas, refém da sua estratégia.


13
Mar 09
publicado por António de Almeida, às 14:05link do post | comentar | ver comentários (4)

   -Após ter ouvido atentamente a entrevista de Manuel Alegre à Antena 1 da RTP, fiquei com a sensação que o histórico militante e actual deputado socialista, pretende que José Sócrates faça um qualquer acordo pré-eleitoral entre o PS e o milhão de votos que Alegre julga ainda deter. Aqui nasce um equívoco, a maioria presidencial esgota-se no dia da eleição, qual será o prazo de validade que M. Alegre atribui ao seus votos? Em 1976 Otelo Saraiva de Carvalho ficou em segundo lugar nas presidenciais, atrás de Ramalho Eanes, mas à frente de Octávio Pato, então candidato apoiado pelo PCP, voltando a candidatar-se em 1980 obteve uma votação pouco mais que residual. Deixando cair a exigência de revogação do Código do Trabalho, mas pedindo alterações, afirmando que não vai a reuniões do grupo parlamentar porque se fosse já não existia grupo ou governo, procurando forçar a Direcção do partido a demarcar-se das declarações de José Lello, com frases como "a questão não é saber se me quero candidatar nas listas do PS, mas saber se o PS me quer como candidato, com tudo o que isso implica", relembrando que terá sido responsável pela derrota mais pesada na História do partido, ficando à frente do fundador nas últimas presidenciais, Manuel Alegre está claramente convencido que possui uma superioridade moral sobre os militantes socialistas, será curioso agora verificar a reacção de de José Sócrates, se opta por procurar uma qualquer espécie de compromisso, o que inevitavelmente o fragilizará, ou pelo contrário deixa Manuel Alegre sozinho com o seu ego insuflado, agarrado às suas contradições, incapaz como sempre de retirar consequências práticas.


mais sobre mim
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
blogs SAPO