La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
17
Mar 10
publicado por António de Almeida, às 10:59link do post | comentar

     -Ninguém de bom senso contesta a necessidade de colocar em ordem as contas públicas. O PEC visa reduzir o défice, objectivo que merece todo o meu apoio. Mas, parafraseando alguém, nestas coisas há sempre um mas, existem dois caminhos possíveis, o Estado reduzir despesas ou aumentar receitas. Infelizmente para os portugueses o governo opta, mal em meu entender, pela segunda hipótese. Espero que a liderança zombie que ainda dirige o PSD não se lembre em final de mandato de comprometer o país até 2013. Escolhas erradas não merecem consenso, os contribuintes, individuais e empresas, já estão demasiado asfixiados para suportarem mais um brutal agravamento de impostos. Emagreçam o Estado, nem que para isso terminem com uma série de assessorias, pareceres, contratualizações, subsídios e outras práticas do género que se traduzem em money for the boys. Os candidatos à liderança do PSD podem aproveitar o PEC para falar não só aos militantes do partido, mas também ao país, que anseia por encontrar uma alternativa credível a José Sócrates, que vá para além dos chavões de verdade ou asfixia, ruptura ou mudança, das promessas de conquistar maiorias, mas que fundamentalmente afirme claramente o que fará de diferente se for chamado a formar governo.

tags:

Acabar com as mordomias? Herege!
manuel gouveia a 17 de Março de 2010 às 12:01

É por isso que os portugueses não abrangidos por essas sinecuras anseiam, mas como os políticos têm quase todos eles " rabos presos ", tornam-se intocáveis - resta o outro caminho tão mais fácil para a classe. Uma boa oportunidade para aferir quem realmente tem o Bem Público como interesse primeiro.
Cristina Ribeiro a 17 de Março de 2010 às 14:32

Na parte que toca às assessorias, subsídios, "outsourcing" mais parcerias público-privadas, nada a opor.
O PEC, contudo, também lá tem isso, a par do deslizamento dos impostos para cima; o problema são os sinais contraditórios que são dados.
Ferreira Pinto a 17 de Março de 2010 às 14:43

mais sobre mim
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9



28
30
31


comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
blogs SAPO