Assim que ouvi, apeteceu-me logo obter um exemplar.
Só por coisas.
Eis porque a náusea se expande.

Margarida a 9 de Setembro de 2009 às 18:32

Não é livro que me interesse, mas realmente isto farta qualquer um, tanta imbecilidade...

É a primeira vez que ouço a notícia e estou banzo. Realmente, temos muita a dificuldade em lidar com a opinião dos outros.
Ricardo Cataluna a 9 de Setembro de 2009 às 19:03

É a nossa subserviência ao estrangeiro... afinal alguém manda neste país!
manuel gouveia a 9 de Setembro de 2009 às 21:40

Também não compraria o livro, mas o facto é que a "coisa " está, perigosamente, a alastrar...
Cristina Ribeiro a 9 de Setembro de 2009 às 22:42

O problema está antes, num arquivar de um processo sem resultados.
Daniel João Santos a 9 de Setembro de 2009 às 23:01

"A acção foi interposta por Kate e Gerry McCann em conjunto com os três filhos, Madeleine, Sean e Amelie, que são representados pela advogada Isabel Duarte."
Não acontece o mesmo em todos os países quando as pessoas visadas se sentem ofendidas no seu bom nome? Onde está a tragédia?
Vasco Gama a 13 de Setembro de 2009 às 09:03


Quem são este pilotos da TAP, que tipo de trabalhadores são ? Reclamar aumentos salariais de 9% numa empresa com prejuízo atrás de prejuízo?
É no mínimo vergonhoso e revela total ausência de cultura de empresa e completa falta de respeito por todos os trabalhadores contribuintes deste país. O mais sensato para Pilotos -"gente deste tipo" é deixar a empresa ir à falência... Tenham vergonha ... Sobre isto Francisco Louçã e sindicatos nem uma palavra...
Paulo Sousa a 3 de Outubro de 2009 às 19:17