La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
30
Set 07
publicado por António de Almeida, às 12:14link do post | comentar


-Os comboios vulgarmente denominados TGV surgiram em 1981 França, inaugurando a sua actividade com a linha Paris-Lyon, tendo de então para cá expandido a sua rede através de França, Grã-Bretanha após inauguração do Eurotúnel, Bélgica, Paises Baixos e alguma regiões da Alemanha, estando presentemente em construção a rede Ave, Espanha. Fora da rede, encontram-se a famosa ligação Londres-Edimburgo, porque será? Assim como não existe qualquer projecto TGV que vá ligar Helsínquia, Oslo, Estocolmo, Copenhaga, Praga, Budapeste, Viena, Roma, Milão, tudo cidades economicamente menos desenvolvidas, e com menos capacidade de atração turistica que Lisboa ou Porto está bom de ver. Ou será que outros países europeus, com menor défice e políticos bem mais responsáveis e sensatos, não vêm viabilidade no projecto, por ser o TGV um meio de transporte adaptado a grandes distâncias, porque investir 7,5 mil milhões de euros para tirar 20 a 30 minutos numa ligação Lisboa-Porto seria empenhar as gerações futuras durante décadas, ainda bem recentemente a viabilidade da ligação Porto-Vigo foi posta em causa, surgindo logo vozes protestando que os estudos estão feitos e aprovados, que vozes? Normalmente ligadas aos lobbys que fornecem as tecnologias, os únicos que terão algo verdadeiramente a ganhar com estes investimentos megalómanos. Claro que ninguém daqui a uns anos se irá admirar quando algum dos políticos que agora tem o poder de decidir, ou no mínimo de influenciar sobre esta matéria vier a ocupar o seu lugar na administração duma empresa que venha a ser criada para exploração do TGV, a qual á boa maneira portuguesa se não apresentar lucros ainda será indemnizada pelo Estado Português, ou seja, nós.

Publicada também n'O Andarilho

Corrupção. Ela continuará e não parará de crescer, sempre mais camuflada em quanto se permitir. Sem controlo dos políticos governantes e deputados nomeados pela corrupção política, não eleitos e sem legitimidade, nada mudará.
Mentiroso a 1 de Outubro de 2007 às 15:43

mais sobre mim
Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
blogs SAPO