La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
13
Nov 08
publicado por António de Almeida, às 17:08link do post | comentar | ver comentários (33)

      -Lamentável mais este episódio de arremesso de ovos em Chelas contra os secretários de estado da educação. Em tempos um antigo Presidente da República afirmou que todos têm direito à indignação, ele próprio um mau exemplo em matéria de respeito pela autoridade, contribuindo para o seu descrédito quando deveria ser o primeiro garante da mesma, recordo o patético episódio em que ordenou a um militar da GNR que desaparecesse, rematando que estava farto de polícias. Isto está a passar das marcas do suportável, vivemos em Democracia, todos têm direito a expressar os pontos de vista, fazer greves ou manifestarem-se, mas não pode uma sociedade tolerar que alguma ralé fique impune quando comete actos de vandalismo, agressões ou insultos. Os responsáveis devem ser apresentados à Justiça, a escumalha não deve continuar impune.


publicado por António de Almeida, às 15:36link do post | comentar

 

"Não pode ser a comunicação social a seleccionar aquilo que transmite", defendeu.
 

    -Pretenderá Manuela Ferreira Leite colocar um comissário político do PSD em cada orgão de comunicação social, decidindo previamente o que pode ou não ser transmitido? Já tivemos um lápis azul, pretenderá a líder social-democrata instaurar um lápis laranja?


publicado por António de Almeida, às 09:48link do post | comentar | ver comentários (2)

     -A conta-gotas lá vamos sabendo os pormenores de todo este imbróglio no BPN. Sabe-se agora que o Banco de Portugal autorizou em Julho os accionistas da SLN a contraírem um empréstimo de 100 milhões de Euros junto dos clientes do Banco, emitindo para o efeito títulos de curto prazo, que ficam agora comprometidos com a nacionalização, porque a sociedade emitente deixou de ter o activo que passou para as mão do estado, excepto é claro se este honrar o compromisso assumido pelos accionistas, em cujo prospecto constava a autorização do Banco de Portugal, entidade liderada por Vítor Constâncio. O presidente da Associação Portuguesa de Bancos João Salgueiro veio a público defender Vítor Constâncio.

 

Post editado ás 16H45M.


mais sobre mim
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9





comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
subscrever feeds
blogs SAPO