La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
24
Abr 08
publicado por António de Almeida, às 21:05link do post | comentar

PSD: Santana Lopes anuncia candidatura à liderança do partido 

-Pedro Santana Lopes avança efectivamente rumo á liderança do partido. Não deixa de ser curioso, a dupla derrotada em 2005, Santana/Portas, procurarem a desforra face a José Socrates. Mas Santana terá em primeiro lugar de vencer Manuela Ferreira Leite, o que não se afigura fácil. Considero contudo um factor positivo de clarificação para o partido a candidatura de P.S.L., que obrigará os militantes do partido a dizerem ao país se preferem política ou circo, como já escrevi anteriormente.


publicado por António de Almeida, às 16:42link do post | comentar | ver comentários (2)

Comandos portugueses no Afeganistão destacados para zona crítica

-Naturalmente quero em primeiro lugar desejar aos bravos militares lusos que se encontram no Afeganistão sucesso no cumprimento da sua missão, e que retornem sãos e salvos. Portugal bem como os restantes países da U.E. não podem continuar a pedir aos EUA que façam todo o trabalho sujo, que sejam os únicos a enlamearem as botas no terreno, e depois lançar para o ar a costumeira lamechisse, que os americanos querem policiar o mundo, entre outros disparates que costumam circular. Se queremos viver em paz e segurança dentro dos nossos países, não podemos nem devemos estar á espera dos americanos, temos de combater o inimigo onde ele estiver, e os talibãs não são pessoas recomendáveis, são fundamentalistas assassinos sem os quais o mundo será um local melhor, dado o desprezo que essa gente tem pela vida Humana, a sua e a do próximo. Contribuir para o esforço de guerra contra o terrorismo no Afeganistão é um dever dos países civilizados, entre os quais tenho orgulho de encontrar Portugal, afinal algo nos distingue da barbárie.


publicado por António de Almeida, às 10:52link do post | comentar | ver comentários (1)

PSD discute hoje com governo política orçamental e fiscal 

Patinha Antão e o PSD pretendem questionar o governo sobre os critérios que sustentam uma descida de impostos. Afinal o PSD pretende seguir um caminho mais liberal do ponto de vista económico, apostando na iniciativa privada e libertando os agentes da pesada asfixia fiscal que impede o investimento e trava o crescimento, ou defende uma economia planificada, próxima dum socialismo de estado, convencidos que sabem gastar o nosso dinheiro, melhor do que nós próprios? É bom que se clarifique duma vez por todas o que pensa o PSD!


publicado por António de Almeida, às 10:02link do post | comentar | ver comentários (1)

Santana Lopes: "Estou aqui mais uma vez disponível para o combate" 

-Alberto João Jardim afinal não irá a votos no PSD, perde o humor, mas ganha a seriedade no partido, Pedro Santana Lopes prepara-se para avançar, o que ainda não fez em definitivo porque estará a avaliar apoios. Ninguém poderá negar a Santana Lopes falta de coragem política, disputou praticamente sem apoios lideranças a Marcelo Rebelo de Sousa e Durão Barroso, conquistou a câmara da Figueira da Foz, que era recorde-se, um bastião socialista, em defesa da qual o próprio Manuel Alegre se envolveu, ganhou Lisboa a João Soares contra todas as sondagens, o homem tem curriculum político, coragem, isso ninguém dúvida. O problema de Santana Lopes é a sua falta de conteúdo, habitualmente não leva os mandatos ao fim, e não consegue reunir em seu redor gente credível, quando foi primeiro-ministro, existia poder, ainda conseguiu colocar algumas figuras prestigiadas no governo, mas acaba sempre rodeado de outros figurões, os quais ninguém poderá querer de volta na direcção do partido, quanto mais no governo da República, Rui Gomes da Silva, Raul dos Santos entre outros. Mas não deixa de ser positivo que Santana Lopes vá a votos, enquanto muitos afirmam que duma vez por todas, vamos saber quanto valem as "elites", reunidas em torno da candidatura de Manuela Ferreira Leite, também iremos saber afinal que partido querem as bases, o partido das festas, febra e sardinha assada, com discursos patéticos como o recente episódio das críticas de Gomes da Silva á compra dum conteúdo televisivo, ou seriedade na acção política, enfrentando os problemas do país e apontando os erros da governação de José Socrates.  Porque se preferirem o circo, então os militantes sociais-democratas optam por um partido autárquico, capaz de vencer muitas freguesias e pequenas câmaras municipais no interior do país, mas perdendo peso eleitoral nas grandes cidades, afastando-se cada vez mais das classes médias, das pessoas para quem a política é mais que espectáculo, entre as quais me incluo, que serão forçadas a procurar outros partidos, ainda que a oferta não seja abundante no espaço político do centro-direita, ou abterem-se em próximos actos eleitorais.


mais sobre mim
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
subscrever feeds
blogs SAPO