La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
17
Abr 08
publicado por António de Almeida, às 22:03link do post | comentar | ver comentários (1)

      -A partir de amanhã certamente que surgirão "vagas de fundo" para levar Luis Filipe Menezes ao colo, pedindo-lhe que se recandidate em eleições directas. De qualquer forma é chegada a hora de surgirem alternativas credíveis dispostas a avançar, Aguiar Branco ou outras, embora me pareça que 24 de Maio, daqui a pouco mais de um mês, ser um prazo manifestamente curto para reunir apoios, apresentar programas, já nem contando com a necessidade estatutária de angariação de assinaturas. Claro que está tudo preparado, armadilhado, pela actual direcção para dificultar a acção dos eventuais opositores, mas talvez ainda exista esperança de salvação para este espaço político, sem ser necessário recorrer á bomba.

 

-Também publicado n' O Andarilho.


publicado por António de Almeida, às 20:27link do post | comentar
        -Alberto João Jardim afirmou que Aguiar Branco não terá qualquer hipótese de disputar a liderança do partido, afirmando que o PSD é um partido das bases profundas, e não duma certa elite burguesa do Porto. Poderá até ter razão, actualmente é mais importante alimentar vaidades e satisfazer caciques, como prova a recente alteração de posição da direcção do partido em matéria de lei eleitoral autárquica, não hesitando em perder credibilidade política perante o país, para agradar aos presidentes de junta, angariando assim apoios para qualquer eventualidade. Mas nem a todo o país, mesmo a eleitores que votam sempre á direita, agrada o estilo de dirigentes populistas e demagogos, que costumam circular pelas feiras de norte a sul, entronizando-se junto dos assadores de febras e sardinhas no Pontal ou no Chão da Lagoa, onde depois dum jarrinho costumam sair uns insultos aos adversários políticos, por vezes mesmo para dentro do próprio partido. Pessoalmente prefiro nem votar, mesmo sabendo que o resultado da minha opção seria mais 4 anos de governação Socrates, do que contribuir para sentar na 1ª fila do hemiciclo, alguns dos figurões políticos mais bizarros que este país já conheceu.

publicado por António de Almeida, às 15:29link do post | comentar | ver comentários (2)

 

-Já tinha afirmado que a proximidade de eleições tinha forçado um acordo, permitindo o ministério que no fundo não existisse qualquer modelo de avaliação credível, excepto naturalmente aquela ficha pró-forme para aqueles que terminam contrato, e de outra forma não poderiam ingressar nos quadros. Reitero o que afirmei, muitos professores não querem qualquer modelo de avaliação, embora existam outros que de facto apenas contestam o confuso modelo de avaliação defendido pelo incompetente secretário de estado Valter Lemos. Na hora de contabilizar resultados, Mário Nogueira sai claramente vencedor, podendo mesmo daqui a uns tempos aspirar a suceder a Carvalho da Silva á frente dos destinos da CGTP-IN, enquanto a ministra irá progressivamente esvaziar-se de protagonismo, podendo mesmo sair antes das eleições caso surja um pretexto, de contrário, num cenário previsivel de próximo governo PS, não fará certamente parte do executivo.

publicado por António de Almeida, às 11:04link do post | comentar | ver comentários (2)

Aguiar Branco disponível para afastar Menezes e defrontar Sócrates  

      -José Pedro Aguiar Branco arrasa a actual liderança social-democrata em entrevista á Visão, manifestando-se disponível para disputar a liderança interna a Luis Filipe Menezes, com vista a enfrentar José Socrates nas próximas legislativas. Trata-se dum militante pouco conhecido das bases, nomeadamente do tradicional circo da febra, onde Menezes, Ribau, Bota & Ca. são catedráticos, mas alguém com conteúdo político, que encara o actual papel do estado como excessivo na sociedade portuguesa. Desconheço se Aguiar Branco será o protagonista duma eventual alternativa, ou apenas o primeiro entre alguns destacados militantes, como Rui Rio, Passos Coelho entre outros, a tomar o pulso á liderança, verificando até que ponto Menezes tem condições para resistir a um eventual congesso destinado a questionar a liderança do partido. Quem não terá outro remédio será o país em suportar mais 4 anos de PS liderado por José Socrates, caso o PSD não procure duma vez por todas, arrumar a casa e mudar de vida.


publicado por António de Almeida, às 09:33link do post | comentar

Estradas portuguesas têm risco elevado de aquaplaning 

  

      -O aquaplaining é um fenómeno que ocorre quando a água que escorre no pavimento, é demasiada para passar através dos rasgos dos pneus e  rugosidade do asfalto,  sendo mais frequente quando se praticam velocidades excessivas. Ora acontece que velocidade excessiva não significa obrigatoriamente excesso de velocidade, podendo por exemplo este fenómeno ocorrer numa auto-estrada, em velocidades próximas dos 100Km/h. Sendo certo que os condutores devem ajustar a velocidade ás condições atmosféricas e estado do piso, não será menos verdade, que ao pagarmos um troço concessionado será expectável que o mesmo se encontre em perfeitas condições, o que manifestamente por vezes não acontece, com a agravante de não sermos sequer avisados, já me aconteceu este fenómeno na A8 entre Lisboa e Torres Vedras, sem que previamente algum sinal luminoso me tivesse alertado para o perigo desta ocorrência. A qualidade do asfalto utilizado na construção das nossas estradas deixa muito a desejar, certamente pela utilização de matérias primas mais baratas, para controlar os custos das empreitadas, não evitando contudo as derrapagens orçamentais, a sinalização é escassa, deficiente e ineficaz, as concessões são caras, e quando somos vítimas destas ocorrências, ainda somos acusados de inconscientes, não sabermos conduzir de forma adequada, os piores condutores da europa e outros adjectivos, para além de ser quase impossível receber uma indemnização pelos danos sofridos por culpa alheia. Não bastava ter os combustiveis mais caros, os impostos mais elevados, os automobilistas em Portugal ainda têm de utilizar estradas de duvidosa qualidade e segurança, face aos custos que todos pagamos.


mais sobre mim
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
subscrever feeds
blogs SAPO