La démocratie donne toute sa valeur possible à chaque homme, le socialisme fait de chaque homme un agent, un instrument, un chiffre. - Alexis de Tocqueville
13
Mai 10
publicado por António de Almeida, às 13:03link do post | comentar | ver comentários (7)

-José Sócrates garantiu na passada 6ª feira no Parlamento que não iria aumentar impostos. Sábado em Bruxelas terá levado um puxão de orelhas do cartel que dirige a U.E., que o leva em menos de uma semana a propor um brutal e generalizado aumento da carga fiscal. O líder da oposição, Pedro Passos Coelho, terá muito provavelmente recebido também ordens de Bruxelas, porque passou a comportar-se como Vice Primeiro-Ministro informal no governo do bloco central, apenas não tomando assento no Conselho de Ministros. Quem pretender um rumo diferente para Portugal terá de fazer agora oposição a ambos os partidos.

tags: ,

14
Abr 10
publicado por António de Almeida, às 16:50link do post | comentar | ver comentários (7)

-Faz sentido! O PS irá apoiar a candidatura de Manuel Alegre após a formalização da candidatura por parte do histórico militante socialista. Assim de repente assaltam-me algumas dúvidas, irá Manuel Alegre juntamente com Francisco Louçã protestar contra a aplicação do PEC pelo governo, cuja necessidade Cavaco Silva defende? Aguardo com curiosidade as reacções por parte dos bloggers simpatizantes e até militantes do PS, que escreveram sobre Alegre o que Maomé não disse do toucinho. Imagino que alguns já andem a apagar posts...


publicado por António de Almeida, às 10:44link do post | comentar | ver comentários (2)

-Ao contrário dos administradores do Tagus Park, Luís Figo até poderá não ter cometido qualquer ilegalidade ao apoiar José Sócrates nas últimas legislativas, mas a sua posição não foi tomada de forma genuína e desinteressada por acreditar num político e suas propostas, antes resultou de opção tomada em benefício próprio. Vindo de quem vem, não surpreende, é ler o que então escrevi. Espero que os portugueses recordem bem este episódio quando chegar o tempo de substituir Gilberto Madaíl na FPF, ainda que no mundo do futebol não abundem personalidades com suficiente autoridade para passarem lições de moral.

tags:

20
Mar 10
publicado por António de Almeida, às 12:41link do post | comentar | ver comentários (5)

   -Manuel Alegre pretende o apoio do PS na candidatura à Presidência da República para se colocar ao lado da oposição, contra o PEC do governo de José Sócrates, que merece a concordância do actual P.R., Cavaco Silva...


02
Dez 09
publicado por António de Almeida, às 15:15link do post | comentar | ver comentários (4)

    -O PS lança na opinião pública uma cortina de fumo procurando fazer esquecer uma evidência, José Sócrates mentiu no parlamento quando alegou desconhecer o negócio PT/TVI. A estratégia passa por afirmar que as escutas eram do conhecimento prévio de Manuela Ferreira Leite. Apetece perguntar, a ser assim porque não vieram a público durante a campanha eleitoral? Na altura poderiam ter produzido efeito, alterando o resultado das legislativas.

tags:

03
Out 09
publicado por António de Almeida, às 11:53link do post | comentar | ver comentários (3)

Gamela é uma vasilha com a forma de uma tigela ou bacia, esculpida em madeira retirada de árvores cuja madeira é macia, um exemplo é a gameleira. Pode ser redonda ou ovalada e é utilizada, quer na alimentação humana, como prato ou vasilha para levar a comida à mesa, quer para dar de comer aos porcos, para banhos, lavagens e outros fins.

wikipédia

 

A frase «É uma grande vantagem ter alguém que não vem para a câmara porque quer protagonismo ou porque quer uma gamela. Eu perco uma gamela para vir para o Porto por amor à cidade», referiu Elisa Ferreira

 

Elisa Ferreira já nos tinha brindado em Junho com as pérolas "Vou só dar o nome e volto" e "Pintaram os bairros, mas esqueceram-se de vos dizer que o dinheiro é do Estado, é do PS"

 

tags:

publicado por António de Almeida, às 11:14link do post | comentar | ver comentários (2)

   -A postura de Manuel Alegre ao longo da última legislatura, votando em várias ocasiões ao lado da oposição, tem um preço a pagar, a cúpula do partido não encara com entusiasmo uma candidatura do histórico militante à Presidência da República. Não surpreende pois que existam manobras de bastidores no sentido de conseguir alguém com peso político, já se falou em Jorge Sampaio, agora surge o nome de Jaime Gama.

tags:

29
Set 09
publicado por António de Almeida, às 10:31link do post | comentar | ver comentários (5)

(foto PÚBLICO)

   -O resultado eleitoral do passado Domingo obrigará o PS a formar um governo minoritário, procurando acordos pontuais à esquerda e à direita, em função das matérias, nos costumes será previsível um entendimento privilegiado com o BE, já na economia a opção passará por negociar com PSD ou CDS/PP, uma vez que não existe diálogo possível tendo por base a nacionalização de empresas como GALP ou EDP. Apesar da tão propagada consolidação das contas públicas, será interessante perceber como pretenderá o governo controlar o défice, a tolerância da U.E. não deverá ir muito além de 2010, a vitória de Angela Merkel na Alemanha aponta nesse sentido. Adivinham-se tempos difíceis para José Sócrates, a negociação nunca foi o seu forte, mesmo como ministro de António Guterres foi completamente autista em relação às populações na questão da co-incineração, apesar da recente postura de cordeiro, existe um lobo escondido pronto a atacar...

tags:

25
Set 09
publicado por António de Almeida, às 22:43link do post | comentar | ver comentários (3)

   -José Sócrates recebeu mais um apoio de peso, após a menina Carolina Patrocínio, a tal que apenas come fruta quando a empregada lhe retira as grainhas ou caroços, foi a vez de Luís Figo. Julgo que todos os portugueses, mais ou menos familiarizados com o futebol, reconhecem e sentem apreço, pelo inegável talento e classe que o antigo capitão da selecção nacional espalhou pelos relvados dos quatro cantos do mundo. A ideia é óbvia, associar o PS a pessoas que alcançaram o sucesso em diversas áreas, projectando uma imagem de ambição e vontade de triunfar. Mas existe um pequeno problema, o carácter, e tal como a menina que não se importa de fazer batota para ganhar, vale a pena recordar alguns factos menos conhecidos do percurso futebolístico de Luís Figo. Ainda júnior, assinou contrato em simultâneo com o Sporting C.P. e S.L.Benfica, valeu-lhe um acordo entre Sousa Cintra e Manuel Damásio, para o salvar de pesado castigo, que o poderia ter deixado algum tempo fora dos relvados, até poderíamos considerar o infeliz episódio como devaneio próprio da juventude, mas passado pouco tempo repetiu a façanha, assinando por Juventus e Parma, dois clubes italianos na mesma época, mais uma vez salvou a face, com a contrapartida de não jogar no calcio durante uma década. Rumou a Barcelona, onde foi treinado por Johan Cruyff, sir Bobby Robson e Louis Van Gaal, que contribuíram para o aperfeiçoamento das suas inegáveis qualidades, alcançando vários títulos, recebendo até a braçadeira de capitão da equipa blaugrana. Sem que alguém lhe pedisse, chegou até a assumir posições próximas do nacionalismo, em defesa da autonomia, entrando no coração dos catalães, que trairia pouco depois com a transferência para o arqui-rival Real Madrid, aproveitando um momento de crise directiva no F.C.Barcelona. Após o Euro 2004 decidiu colocar um ponto final na selecção nacional, mas no final de 2005, quando não jogava em Madrid, recuou na decisão, solicitando a Scolari que o voltasse a convocar, até porque a selecção apesar da sua ausência já se tinha qualificado para o Mundial 2006, palco para se poder mostrar e conseguir uma transferência, finalmente a Itália. Alguém pode mesmo ficar surpreendido com o apoio de Luís Figo a José Sócrates? Misery loves company!

tags:

24
Set 09
publicado por António de Almeida, às 18:38link do post | comentar | ver comentários (2)

   -Não sejamos ingénuos, este caso da negociação de cargos a troco de financiamento partidário, que surge em plena campanha eleitoral, visando o PS, mais em particular José Lello e António Braga, merece a mesma credibilidade que a história do pagamento dos votos no PSD, nem mais, nem menos. Curiosamente ambos os casos tiveram início com base em denúncias internas.

tags:

publicado por António de Almeida, às 12:28link do post | comentar | ver comentários (2)

   -Os últimos dias têm vindo a mostrar algum crescimento nas intenções de voto no PS, ao ponto de José Sócrates pedir agora uma maioria clara, enquanto nos corredores se vai falando em voz baixa na maioria absoluta. Por muito que possamos criticar a liderança do PSD por não ter apresentado aos portugueses uma solução alternativa entusiasmante, não podemos perder de vista o essencial, o próximo Domingo será o governo de José Sócrates que os portugueses devem julgar, votando PS se estiverem satisfeitos e pretenderem a manutenção das políticas implementadas ao longo dos últimos 4 anos. Mas quem não concordar com a orientação política seguida pelo governo, ou entender que Portugal merece mais que as sucessivas mentiras, embustes e trapalhadas, liderado por um mestre especialista na venda de banha da cobra, basta relembrar o relatório tipo OCDE, os painéis solares que eram meras bombas de calor, o primeiro computador genuinamente português que afinal era uma versão do Classmate, tem a obrigação moral de votar, não basta ficar em casa, deve escolher um qualquer outro partido que considere credível e votar, será a única oportunidade que teremos para travar o que seria uma calamidade, talvez a maior catástrofe que este país sofreu nas últimas décadas, estou a falar da renovação da maioria absoluta. Claro que alguns não concordam com a ideia, por exemplo as acções da Mota-Engil, Somague ou BES irão disparar, garantido que fica o TGV e demais projectos faraónicos em obras públicas, investimentos de retorno absoluto para tais empresas à custa do endividamento do país, empenhando o futuro das próximas gerações.

tags:

21
Set 09
publicado por António de Almeida, às 10:43link do post | comentar | ver comentários (1)

  -José Sócrates vai afirmando existir unidade no Partido Socialista, por contraponto ao PSD, a ilustrar tal cenário idílico vamos assistindo na campanha eleitoral ao aparecimento de vozes tradicionalmente discordantes da actual direcção, primeiro António José Seguro, depois Manuel Alegre. Cavalgando a onda, vozes radicais como Ana Gomes ou Mário Soares procuraram de abrir a porta a uma eventual coligação pós-eleitoral com o Bloco de Esquerda, intenção que o porta-voz João Tiago Silveira se apressou a desvalorizar, outras personalidades como Vitalino Canas afirmam que o PS deverá governar sozinho, com a maioria que obtiver nas urnas, Teixeira dos Santos até atacou fortemente em discurso de campanha as propostas do BE. Convém relembrar ainda as palavras de António Costa, nº 2 do PS, quando no Congresso de Espinho apelidou o adversário à esquerda, de oportunista, parasita da desgraça alheia, incapaz de assumir responsabilidade. Seria importante para os portugueses que o PS assumisse de uma vez por todas uma posição clara, sem ambiguidade sobre política de alianças. 

tags:

19
Set 09
publicado por António de Almeida, às 16:53link do post | comentar | ver comentários (8)

   -Não lhe apetece mesmo nada regressar ao passado, ao seu passado...

 

tags:

14
Set 09
publicado por António de Almeida, às 13:44link do post | comentar | ver comentários (6)

   -A possibilidade do PS perder as eleições está a deixar muitos socialistas à beira dum ataque de nervos, ao ponto de irem agora buscar o histórico militante Manuel Alegre, para participar na campanha eleitoral, apesar de toda a controvérsia que conhecemos ao longo da legislatura. Veremos a reacção que provoca no eleitorado, mas tenho para mim que o milhão de votos nas presidenciais há muito que já lá vai, e não será com uma palavra do candidato presidencial que a hemorragia de votos para a esquerda do PS será estancada.

tags:

07
Set 09
publicado por António de Almeida, às 11:10link do post | comentar | ver comentários (1)

   -De facto a verdade não é graça divina nem tem patente registada, está ao alcance do comum dos mortais, mesmo assim José Sócrates não a consegue alcançar, "relatório tipo OCDE", "painéis solares que são meras bombas de calor", "computador português", seria fastidioso enumerar aqui as falácias do senhor engenheiro(?).

tags:

06
Set 09
publicado por António de Almeida, às 14:12link do post | comentar

   -Estaria Jaime Gama a referir-se ao lóbi das construtoras liderado pela Mota-Engil?

tags:

29
Ago 09
publicado por António de Almeida, às 11:08link do post | comentar | ver comentários (2)

   -José Sócrates é manifestamente incapaz de levar o país a bom porto, alguns socialistas já o perceberam e não estão dispostos a afundar com o timoneiro. Joaquim Pina Moura diz que "PSD tem programa mais duro e mais focado" que o PS. Na entrevista ao Expresso, o antigo ministro socialista defende um governo de bloco central, na mesma semana em que João de Deus Pinheiro admitiu tal possibilidade, já ontem Paulo Mota Pinto afirmou que nenhuma hipótese deve ser descartada. Cresce o número de apoiantes da solução em ambos os partidos.

tags:

23
Ago 09
publicado por António de Almeida, às 20:55link do post | comentar | ver comentários (1)

   -Por momentos pensei que Augusto Santos Silva, Manuel Pinho ou Vital Moreira fossem socialistas, e que o SIMplex fosse um blogue de apoio ao PS. Equivoquei-me.

tags:

11
Ago 09
publicado por António de Almeida, às 11:09link do post | comentar | ver comentários (4)

   -Para José Sócrates, os grandes pontos que o separam da Direita, segundo a entrevista que concedeu ao JN , são a atitude, o investimento público e políticas sociais. Ora aqui estão três boas razões para não votar PS.

    1- Atitude, um governo que fez da mentira e trapalhada a sua imagem de marca, basta lembrar os 150 mil empregos, relatório tipo OCDE, o computador português que afinal era uma versão, no plano da credibilidade pessoal do próprio primeiro-ministro é bom nem falar, estamos a ser governados por um chico-esperto, com aptidão para presidir à colectividade do bairro, mas o país merecia melhor.

     2- Investimento público, deixar o país endividado por gerações, para levar por diante um programa de infra-estruturas assente em grandes obras, projectos faraónicos de duvidosa rentabilidade, excepto claro está, para as construtoras.

     3 - Políticas sociais, o resultado das más opções do governo em matéria de impostos, que subiram e muito durante a presente legislatura, está à vista, as empresas ficaram asfixiadas, não conseguem honrar os compromissos, para muitas não existe alternativa a encerrar portas. Em consequência aumentou o desemprego, responsabilidade directa do governo. É necessária uma redução do Estado, limitá-lo ao imprescindível, para tornar Portugal competitivo, reformando também a saúde e educação.

     - Verdadeiramente aconselhável esta entrevista a Luís Campos e Cunha, ao jornal i.

tags:

01
Ago 09
publicado por António de Almeida, às 00:21link do post | comentar | ver comentários (1)

   -É verdadeiramente inacreditável a falta de qualidade legislativa do actual governo, e maioria que o suporta na A.R., sucedem-se as trapalhadas , resultando em Leis sem qualidade, e sucessivos vetos...

tags:

mais sobre mim
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


comentários recentes
comunismo=fascismo
Gostam de falar sobre os mamarrachos mas esquecem ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
Muito Bom post. Realmente, este flagelo agrava em ...
A Censura anda muito activa nos comentários dos bl...
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
arquivos
links
Twingly BlogRank
subscrever feeds
blogs SAPO